17 de mai de 2011

28

intensa luz do luar
-agora pela vidraça-
no meu quarto reluz

Nenhum comentário:

Postar um comentário