10 de jun de 2011

37

olho na janela
os pingos da chuva no chão
volto a ser criança


3 comentários:

  1. A saudade,às vezes, vontade de ser criança, creio, nunca nos abandona. Somos eternas crianças "adulteradas".
    Abraços poéticos!

    ResponderExcluir
  2. Achei vc voando redundantemente alado pelo blog do Júlio. A propósito, um poeta amigo espanhol, me dijo sobre Salamanca:
    "HaiKai?
    Ka no los Hai"
    Parabéns e Abs Karinhosos

    ResponderExcluir
  3. Correr na praia
    sob a chuva de verão
    voltar criança

    ResponderExcluir